Aqui estou

Como um brilho de purpurina descoberto sobre o ombro esquerdo

semanas após o carnaval um canhoto de cinema encontrado

no bolso de um casaco pendurado desde o último inverno

o perfume de um antigo amor sentido em lençóis

há meses guardados certas lembranças nos

surpreendem em locais inesperados

revelando onde estavam e que

nunca saíram de lá.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s