19:37 – horário de verão

no manto azul já escuro

pontos brilhantes pulsam

frenéticos e ansiosos

 

abaixo toma a vez o roxo

que logo se degrada numa

faixa verde quase visível

 

segue-se um longevo império

amarelo cuja decadência cede

o lugar a um laranja aquecido

o caçula de um deus primitivo

 

que a essas horas -atrasado

para o jantar- só permite

que adorem sua

luminosa calvície.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s